sexta-feira, abril 15, 2011

Teatro de fantoches

"O PSD/FMI do rapazinho de Massamá queria uma ajuda de emergência agora e depois logo se via. Percebe-se bem porquê. Como vai engolir o PEC 4 que chumbou no Parlamento e mais uma dose cavalar de medidas de austeridade, pretendia com esta esperteza saloia passar entre os pingos da chuva na campanha eleitoral e chegar ao poder como uma pura donzela enganada pelo senhor engenheiro relativo sobre o estado da Pátria. Para mal dos seus pecados, Bruxelas já o mandou dar uma volta ao bilhar e só empresta os 80 mil milhões de euros com o pacote todo assinado. O programa político, económico e financeiro de Portugal para os próximos três anos já está a ser escrito no estrangeiro e fica pronto a 16 de Maio. Até 5 de Junho, ao que os indígenas vão assistir é apenas a um decadente e patético teatro de fantoches. " António Ribeiro Ferreira

1 Comments:

Blogger skeptikos said...

Subscrevo.
Nem sei para que vamos a eleições, se o programa único a que temos direito já está há muito delineado lá fora (e planeado cá dentro). Ao menos sempre pouparíamos umas dezenas de milhões... eu vou votar no P.Q.P., pelo menos desabafo...

sábado, abril 16, 2011  

Enviar um comentário

<< Home

Divulgue o seu blog!