sexta-feira, maio 13, 2011

O grande comunicador explicado às crianças

"Estou capaz de dar uma dentada na próxima pessoa que se chegar ao pé de mim e disser que José Sócrates é "um grande comunicador".

À medida que o PS sobe nas sondagens é como se os dotes comunicacionais do primeiro-ministro crescessem na mesma proporção, aproximando-se do Olimpo da retórica. Oh, que comunicador extraordinário! Não me lixem. Kennedy foi um grande comunicador. Luther King foi um grande comunicador. Obama é um grande comunicador. Sócrates é um artista de circo, que faz sempre os mesmos truques na televisão, para grande espanto do povo.

Nos Estados Unidos ou em Inglaterra, onde as pessoas aprendem na escola a falar em público, qualquer estudante de retórica de 14 anos saberia desmontar os seus truquezinhos baratos. Aqui, acolhemos as performances de Sócrates como se elas fossem um prodígio. E toda a gente diz: "Ele nunca perde um debate!" "Ele nunca se atrapalha numa entrevista!" Por amor de Deus. Serei só eu a reparar que os extraordinários dotes oratórios de José Sócrates se resumem a ser capaz de canalizar todas as questões para três míseras ideias, que não aguentam 20 segundos de reflexão?

No próximo debate em que intervier, recorte este texto e confira. É muito simples: o que quer que seja que perguntem a Sócrates vai acabar numa destas três respostas. 1) "Só estamos assim por causa da crise internacional, a maior dos últimos 80 anos." 2) "Os partidos da oposição estão a assinar o mesmo PEC que recusaram, apenas por cobiça de poder." 3) "Eu posso ter cometido erros, mas nunca cometi o erro de não agir." Perguntem a José Sócrates "o que é que comeu hoje ao almoço?" e ele vai responder-vos 1, 2 ou 3. Perguntem-lhe as horas e ele vai responder-vos 1, 2 ou 3. É isto um grande comunicador? Nós já abdicámos de nos governar. Pelos vistos, também estamos dispostos a abdicar de pensar
."

João Miguel Tavares

2 Comments:

Blogger skeptikos said...

CLAP! CLAP! CLAP!

Porém, quantas vezes entro num café com 2 LCDs dos grandes e num está a dar bola e no outro está o "grande comunicador" mute! Mesmo que não esteja a dar bola há um filme ou algo no género - entertainment - e o grande comunicador continua mute!

Em menor número é certo mas ainda assim o volume aumenta quando há outros, da oposição, a falar.

Acho que por estas e por outras o zé povão não só já abdicou de se governar, como se está completamente borrifando para o artista. Se for votar nele e nas barbaridades comprovadas é por puro masoquismo, só pode!

domingo, maio 15, 2011  
Anonymous Anónimo said...

Masoquismo?
Não puro oportunismo. Se bem se conhecem os números há 2 milhões de votos de subsídios e sabem a esquerda vive disso, portanto...

segunda-feira, maio 16, 2011  

Enviar um comentário

<< Home

Divulgue o seu blog!